Bolsonaro, Caiado e Hildo do Candango vistoriam obras do Hospital de Campanha de Águas Lindas


Na manhã deste sábado (11), Águas Lindas foi palco do encontro de importantes líderes da política brasileira. A ocasião foi a visita técnica do primeiro Hospital de Campanha do Governo Federal para atendimento da população do Entorno no combate a Covid-19.

O prefeito que também é presidente da Associação dos Municípios Adjacentes à Brasília (AMAB), Hildo do Candango, foi o anfitrião do encontro e mais uma vez se mostrou uma forte liderança ao ser um dos grandes mediadores para a construção do hospital na cidade. 

Inicialmente, Hildo do Candango, em reunião com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, tentou a retomada das obras do Hospital Regional para reforçar a capacidade de atendimento na região, mas os entraves tornaram a construção do Hospital de Campanha a opção mais viável. 

Durante a visita, Hildo aproveitou para cobrar a conclusão do Hospital Regional, o Hugo 09, e de pronto o ministro da Saúde se comprometeu, afirmando que o Estado irá concluí-lo e a União irá equipá-lo.

O presidente Jair Messias Bolsonaro, afirmou que o Hugo 09 será entregue à população. Para Hildo, esta é uma grande conquista, já que a obra será de extrema importância para toda Região do Entorno.

O Hospital de Campanhaque teve as obras iniciadas na última terça-feira (07) tem previsão para estar em pleno funcionamento em 15 dias. Quando concluído contará com 5 mil m2 de área construída e 200 leitos que poderão ser adaptados para unidades semi-intensivas. A unidade contará ainda com 400 profissionais, entre médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, fisioterapeutas, psicólogos, assistentes sociais e outros. 

A construção segue o modelo do Hospital de Campanha montado no estádio do Pacaembu em São Paulo, mas sofreu algumas alterações no projeto, como o distanciamento entre os leitos. As mudanças garantirão biossegurança dos profissionais da saúde que trabalharão na unidade e também dos pacientes em reabilitação por conta da Covid-19. 

De acordo com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, este será o primeiro Hospital de Campanha que o Governo Federal construirá e servirá de modelo para outras regiões. 

A escolha de Águas Lindas de Goiás para construção deste hospital foi uma solicitação do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, que junto ao presidente da AMAB, Hildo do Candango, já estudava medidas para minimizar os impactos da disseminação do Coronavírus na região do Entorno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Melhores