Forças policiais no entorno do DF reduzem em 80% crimes de latrocínios em fevereiro

As estatísticas sobre criminalidade relativas a fevereiro e divulgadas nesta quinta-feira, 2, pela Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), foram bastante favoráveis para a região do Entorno do Distrito Federal

Além da redução em 11 das doze modalidades de crimes pesquisados, chamou a atenção o elevado índice de redução na maioria deles.

Os homicídios tiveram redução de 37,5%. As tentativas de homicídio caíram 47,42% e os latrocínios recuaram em 80%. Os roubos recuaram também na região: veículos (-29,65%), comércio (-16,67%), residência (-50,46%) e transeuntes (-31,8%).

O relatório mostra que houve queda, ainda, nos furtos a transeuntes (-63,49%), nos furtos de veículos (-26,86%) e furtos em residências (-14,16%). Apenas os furtos em comércio apresentaram evolução de 12,4%, na comparação entre fevereiro de 2017 e 2016.

Os resultados positivos são reflexo da política de segurança pública implantada pelo vice-governador José Eliton, quando esteve à frente da pasta de fevereiro de 2016 a janeiro de 2017. As iniciativas tiveram como base, além da integração das diversas polícias, o planejamento estratégico, o uso da inteligência, da tecnologia no mapeamento e definição de táticas que resultam em alta eficácia. A intensificação do policiamento nas ruas da capital e nas cidades do interior foi outra estratégia que força a queda dos índices de violência em todo o estado.

Comentários

Política

Mais vistas

Sondagens mostram o candidato de Marconi Perillo para 2018 como um fiasco

Goiás

Concursos