Caos continua com falta de funcionários nos Vapt Vupt em Goiás

A população reclama dos serviços prestados pelas agências do Vapt Vupt no Entorno do Distrito Federal. Entre os principais problemas estão a falta de funcionários, demora no atendimento e sistemas fora do ar

Equipes da TV Anhanguera foram até as unidades da grande Goiânia e flagraram pessoas sem conseguir atendimento e esperando por até três horas para concluir todo o processo. 

Na unidade que fica dentro do Buriti Shopping, na divisa de Goiânia e Aparecida, a principal queixa foi a desorganização nas informações prestadas pelos servidores do órgão. A porteira Joana D'arc dos Santos foi até o local para pedir que a energia elétrica da casa dela fosse reestabelecida.

Segundo ela, em relato à TV Anhanguera, ao chegar ao balcão de triagem, recebeu um papel escrito Celg e o número 11. O painel de senhas eletrônicas estava desligado e a chamada era feita verbalmente pelos próprios servidores. Sem saber onde esperar, a porteira andou pelos corredores do Vapt Vupt em busca de informações. Ela se aproximou de um grupo com cinco funcionários que estava próximo a entrada para pedir informações. Nenhum deles conseguiu dar uma informação precisa de onde ela deveria ir.

Quando finalmente conseguiu saber onde deveria esperar, Joana D'arc foi orientada a se sentar e esperar. Não havia nenhum funcionário perto chamando senhas e também não tinha painel eletrônico. Após um pouco de espera, a porteira foi ao guichê, que estava desocupado e sem chamar nenhuma pessoa.Na unidade, o serviço de emissão Carteira de Trabalho tem ficado fora do ar durante parte da manhã. Uma dona de casa de 43 anos que preferiu não ter a identidade divulgada chegou ao local às 9h15. Até 10h20 não tinha conseguido sequer pegar senha.

Comentários

Política

Mais vistas

Sondagens mostram o candidato de Marconi Perillo para 2018 como um fiasco

Goiás

Concursos